Busia, no Quênia, fronteira com Uganda



Liz voltava para casa
quando homens a cercaram
entre árvores arbustos capins

no Quênia Distrito de Busia fronteira com Uganda Liz 16 anos voltava para casa após velar o avô

a deitaram
a esmurraram a ficar demente
e penetraram a seco
no que uns queriam pela frente
e outros por trás
e ao mesmo tempo um lá e outro cá
sangue da cara de Liz e do sexo
é que os incomodavam

no Quênia Distrito de Busia fronteira com Uganda Liz 16 anos voltava para casa após velar o avô quando seis homens a cercaram

o terceiro homem
impacientava por antes dele haver os dois
e o quarto e o quinto assim estavam
o sexto achou que aquilo já demorava a eternidade

anoiteceu
amanheceu

Liz

as sobras de Liz
numa vala

costelas quebradas
entulhando o corpo


(e a vida? e a vida o que é, diga lá, meu irmão)

em Busia
entre o vento e as grades
assovios e urros
homens despetalavam a flor de Liz

no Quênia Distrito de Busia fronteira com Uganda Liz 16 anos voltava para casa após velar o avô quando seis homens a cercaram e estupraram no dia seguinte três dos seis homens foram condenados a cortar a grama do posto policial de Tingolo e retornaram a suas casas aos outros três homens até agora nada se pode fazer por estarem escondidos

Robô



Ela pedia
ele atendia

virava batedeira
vitrola sanduicheira
máquina de lavar passar costurar
virava rádio
televisão pra novela
telefone geladeira

Robô só uma coisa é que pedia
que ela trocasse o óleo
ao fim do dia
© Helder Herik
Maira Gall