segunda-feira, 15 de julho de 2019

Banda das Bandas



Era no meio de entendidos, era pra
cada um dizer da banda preferida, a banda
mais fuderosa de todas.
Aí veio um cara e disse, Guns N’ Roses e os caras todos viraram a cara e veio outro cara e disse Aerosmith, e ele encheu bem a boca pra dizer Aerosmith, e a banda tinha show marcado pra Recife e todo mundo já coçava os bolsos afirmando que gostavam,
mas um carinha lá fez uma expressão de deboche, meio esticando a boca só de um lado e meio virando os olhos, isso
irritou muito os carinhas que achavam o Aerosmith até
uma banda dessas de se ir ao show
e postar foto nas redes e outros alardes,
mas o carinha que esticou a boca disse que o Tyler tinha
o maior bocão de jacaré e que o pescoço era
flácido e aquilo ia dá em briga se
eu não tivesse batido palmas e
tomado a fala e dito que a Mundo Bita era a banda das bandas.
Os carinhas todos ficaram coçando cabeça cotovelo
barbicha
e ficou aquele jeitão de ninguém saber nada
e eu disse que a Mundo Bita tava cagando pra ter
sucesso
ganhar dinheiro e usar drogas...
O que eles queriam era só tocar os melhores
versos sobre o mundo e o cosmos.
E ficou aquela atmosfera de que agora
eu tinha o respeito dos carinhas todos.
A formula era falar do que os carinhos não entendia pra
ganhar a maior moral entre eles e eu
disse ainda pra meio que humilhar eles todos
— Vocês não conhecem a Mundo Bita? — E joguei
a pá de cal — Vocês são uns bunda-mole mesmo.
O carinha que detonou o Tyler disse, “manda um verso dessa banda”, e mandei esse:
— “De uma semente nasce a primavera / brota o broto pela terra / certamente no futuro alimentará alguém."
E os carinhas agora vibravam e chamavam todo tipo de palavrão e tudo mais como forma de alegria estourada.